Ju Apertadinha, trançadeira da Bahia

mestre-come-barro-solanomundo
Seu Raimundo, o Mestre Come Barro do Pará
6 de março de 2018
chapada-diamantina-sola-no-mundo
O feitiço da Chapada Diamantina
9 de março de 2018

Ju Apertadinha, trançadeira da Bahia

Tempo de leitura: 1 minuto
ju-apertadinha-solanomundo

Famosa por ser trançadeira do pelourinho, mãe de santo e apertada.

Antes de quem ignora dar uma olhadinha em seu trabalho atravessar a rua, ela já imitou seus gestos virando seus olhos.

Espera os sombreiros e as bancas que foram prometidas pelo prefeito de Salvador, mas faz isso sentada.

Quando gosta do cliente ela brinca e bate pra deixar a cabeça reta. Pede cerveja e pode ficar horas contando suas aventuras amorosas.
Seu ponto é bem na frente de uma roda de capoeira, mas com capoeirista ela não se envolve e nem entra no jogo.

Só manda beijo de longe quando acorda animada.

Desenvolveu cerca de três testes que aplica em cada novo pretendente para medir seu comprometimento, mas isso não significa que ela descarta quem repete.

Não dá conselho, distribui. Mas é frígida em relação a suas duas fórmulas secretas. Como apertar tranças e manter seu apelido.

Raquel Cintra Pryzant
Raquel Cintra Pryzant
Raquel Pryzant, 24, é Jornalista e Editora Chefe da Worldpackers. Atualmente desvendando o mundo dos documentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *